Verificação periódica de bombas de combustíveis para se constatar se o volume de gasolina, álcool ou diesel registrado pelo equipamento corresponde ao volume entregue ao consumidor. A verificação acontece anualmente sem aviso prévio ao posto de combustível, podendo ocorrer do dia 1º de janeiro a 31 de dezembro do ano vigente. Os fiscais do Metrologia e Qualidade do Estado de Minas Gerais (Ipem-MG) vão aos postos de gasolina realizar a verificação metrológica. Durantes os testes, os fiscais conferem o volume de combustível medido pelas bombas e se cada dispositivo da máquina, tais como mangueira, painel e bico, está em conformidade com a portaria nº 23/1985 do Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro). Após os testes, as bombas que tiverem sido aprovadas recebem as marcas de verificação do Ipem-MG (selos e etiquetas) e o Relatório de Verificação Metrológica. Havendo irregularidade, o estabelecimento é notificado e terá o prazo de 10 dias para solucionar o problema. Após o término desse prazo, os fiscais retornam ao posto para constatar a execução dos reparos. A manutenção do equipamento deverá ser feita obrigatoriamente em uma oficina credenciada.

As bombas de combustíveis que estiverem desativadas no momento da verificação serão interditadas pelos fiscais do Ipem-MG. Elas somente poderão ser reabastecidas de combustíveis e voltar a funcionar com a autorização do Ipem-MG e mediante a presença, no posto, de um dos fiscais do instituto. A verificação é realizada de maneira sistemática e periódica pelo Ipem-MG, mas pode também ser acionada por meio de denúncias dos consumidores. As denúncias devem ser feitas na Ouvidoria do Ipem pelo telefone 08000 335335, de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 17h30, ou pelo e-mail ouvidoria@ipem.mg.gov.br.

Documentos necessários:

  • CPF ou CNPJ;
  • Relatório de verificação metrológica anterior.

Valor:

Sob consulta

Locais onde o serviço é prestado:

Lista de Municípios
Lista de Locais Selecione a Unidade